Apenas mais um pensamento sobre o assistencialismo

…à medida que o governo cresce, vai-se tornando invariavelmente mais profundamente envolvido na redistribuição de receitas (não de riqueza) tornando-se também um regulador activo e activista. Esta progressão do estado na economia encorajará os indivíduos a procurar obter e satisfazer o seu rendimento pessoal através de uma relação com o estado (cada vez mais inevitável e promíscua) em vez de o tentarem obter por via da sua força produtiva. À medida que isto acontece, os recursos privados vão sendo transferidos de actividades de criação de riqueza para actividades de transferência de riqueza. Esta realocação não só retarda o crescimento económico como leva a níveis de rendimento progressivamente inferiores à capacidade económica instalada e disponível, isto é, a um empobrecimento colectivo gradual.

Tradução minha, livre e adaptada de

THE SCOPE OF GOVERNMENT AND THE WEALTH OF NATIONS
James Gwartney, Randall Holcombe, and Robert Lawson
Cato Journal

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s